Sábado, 4 de Julho de 2009

A minha Tristeza

Quando a minha Tristeza nasceu, cuidei dela com mil cuidados, tratando-a com uma ternura amorosa.

A minha Tristeza cresceu como todas as coisas vivas, forte, bonita e cheia de maravilhosos deleites.

Eu e a minha Tristeza amávamo-nos mutuamente, tal como amávamos também tudo o que nos cercava, porque a minha Tristeza tinha um coração bondoso e o meu coração jorrava ternura para com a minha Tristeza.

Quando conversávamos, a minha Tristeza e eu, os nossos dias passavam a voar e as nossas noites eram rodeadas de sonhos; porque a minha Tristeza falava eloquentementee eu era eloquente para com a minha Tristeza.

Quando cantávamos juntos, a minha Tristeza e eu, os nossos vizinhos sentavam-se às janelas para nos ouvir, as nossas canções eram profundas como o mar e as nossas melodias estavam repletas de estranhas memórias.

E quando caminhávamos juntos, a minha Tristeza e eu, as pessoas observavam-nos com olhares gentis e murmuravam palavras de uma excessiva doçura. Outras olhavam para nós com inveja, porque a minha Tristeza era nobre e eu tinha muito orgulho dela.

Mas, como todas as coisas vivas, a minha Tristeza, morreu. Novamente só, meditei e ponderei.

Hoje quando falo, as palavras ressoam  pesadamente nos meus ouvidos.

Quando canto os vizinhos não vêem ouvir.

Quando caminho pelas ruas, ninguém olha para mim.

Apenas durante o sono ouço vozes, plenas de compaixão, dizendo;

«Vejam ali está  o homem cuja Tristeza morreu.»  

                                 

 

                                    Kahlil Gibran

 

publicado por Laburrita às 21:47
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Fevereiro 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28

.posts recentes

. 80 anos depois

. Um dia você percebe

. Pedras no caminho

. Grande cara de pau

. Saudade do tempo que pass...

. Renovar um desejo

. Queridos mudei a casa

. Grito de liberdade

. Poesia em centímetros de ...

. O sapo fez a revolução! l...

.arquivos

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Julho 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

.tags

. todas as tags

.favorito

. COMO MANTER-SE JOVEM

. A Luta pela Recordação

. O destino de cada um

. D I L E M A

. Vocês verão lá mais para ...

. Riquezas não pagam dúvida...

. É pró menino e prá menina...

. A CIGANA VAI DE FÉRIAS

. BOM DIA ALEGRIA

. O Presente!

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds