Segunda-feira, 16 de Novembro de 2009

Porque sou fumadora

Por ser dia mundial do não fumador, achei pertinente escrever  um post sobre este assunto, e fazer alguns considerandos acerca do tema "fumar ou não fumar" eis a questão.

Fumar, no passado era um gesto que só era permitido aos homens, (mulher que fosse vista em público com um cigarro na boca era apelidada de mulher de mau porte) com o 25 de Abril, as mulheres tiveram a coragem de mostrar a sua igualdade e atreveram-se a banalizar este acto (embora ainda vista de lado) e hoje segundo as estatísticas são elas as que mais tabaco consomem.

Mas se  no passado fumar era um gesto social, hoje parece haver a caça às bruxas, e os fumadores foram banidos dos espaços públicos como se fossem criminosos.

Parece ser um dado adquirido que o tabaco prejudica a saúde, e se assim é cada qual deve fazer as suas escolhas, mas os que nunca foram fumadores não sabem que o fumador é  um adicto e não é fácil sair deste vício.

O estado soube criar leis restritivas, mas não deu qualquer ajuda para as pessoas que queiram deixar de fumar, e é sabido que os medicamentos são caros e com a agravante de terem nicotina e outros compostos na sua composição. Ora bem, é o mesmo que fumar mas na forma de comprimidos e adesivos, o que não traz qualquer prazer ao fumador, e acaba por não resultar.

A esta altura já deu para perceber que eu sou uma fumadora! É verdade sou!  E acho bem que não se fume nos espaços fechados, e respeito os que o não fazem. Mas também acho que nós também merecemos mais consideração por parte de quem de direito.O Estado paga os tratamentos dos toxicodependentes, mas aos fumadores aumenta o imposto do tabaco como se isso fosse a solução para desencorajar as pessoas de o fazerem.

Pela minha parte já fiz algumas tentativas, inclusive pedindo ajuda médica, que perante o meu caso me aconselhou a não deixar, mas sim reduzir e é isso que eu faço. Contudo lamento que os serviços não tenham em conta que os seus clientes "fumadores"mereciam ter um espaço onde nos dias de chuva pudessem fumar o seu cigarro, sem incomodar, mas sem levar com a chuva ou vento, como ainda ontem me aconteceu num conhecido Centro Comercial. Os fumadores são seres humanos iguais, e pagam os seus impostos. Mas até parece que somos uns indigentes tal a forma como estamos a ser tratados. Ou seremos camelos?

 

sinto-me:
publicado por Laburrita às 18:20
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Fevereiro 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28

.posts recentes

. 80 anos depois

. Um dia você percebe

. Pedras no caminho

. Grande cara de pau

. Saudade do tempo que pass...

. Renovar um desejo

. Queridos mudei a casa

. Grito de liberdade

. Poesia em centímetros de ...

. O sapo fez a revolução! l...

.arquivos

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Julho 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

.tags

. todas as tags

.favorito

. COMO MANTER-SE JOVEM

. A Luta pela Recordação

. O destino de cada um

. D I L E M A

. Vocês verão lá mais para ...

. Riquezas não pagam dúvida...

. É pró menino e prá menina...

. A CIGANA VAI DE FÉRIAS

. BOM DIA ALEGRIA

. O Presente!

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds